Sabe como obter grelhados perfeitos?

Receitas 299 visitas Comentar

Acenda o lume com lenha bem seca e deixe arder até obter brasa sem labareda, para obter uns grelhados perfeitos. Adicione a carne que pretende grelhar. Aqui, o tipo de carne e o ponto de cozedura que pretende, vão mandar na altura em relação às brasas.

Carne de frango

É uma carne muito prática de grelhar. Inteiro, em pedaços ou em filés de peito, o frango ganha diferentes sabores conforme a escolha dos temperos e marinadas. Aposte no alho e no limão, são sempre uma boa conjugação.

Frango cortado: Pode cortar o frango em quartos ou em pedaços mais pequenos. Prepare um molho saboroso com limão, sal, vinho branco, louro, pimentão doce e ervas aromáticas. Vá pincelando o frango com o molho.

Peito de frango: Esta é a parte do frango mais seca e com menos gordura. Para que a carne ganhe sabor e humedeça, dê tempo de actuação à marinada (use sumo de limão, tomilho, sal e azeite). Antes de servir, volte a espremer limão e devolva-lhe algum do sabor perdido na grelha.

Carne de porco

A carne de porco deve ficar bem passada, mas sem deixar secar. A crosta deve estar firme e tenra, mas descarte qualquer parte do grelhado mais escuro ou carbonizado, prejudicial para a saúde. Comece pelas carnes mais rápidas e finas de grelhar, servidas como entradas ou petiscos. Reserve as carne mais grossas e lentas para o final.

Chouriços e entremeada: Chouriços e morcelas devem ser grelhados em lume médio, para que fiquem tostadas por fora e cozinhadas por dentro de forma uniforme. Depois de grelhadas, fatie-as finamente e acompanhe com pão ou broa de milho.

Febras: Em corte fino, as febras devem ir para a grelha marinadas. Coloque-as em lume médio e cozinhe lentamente, aproximadamente dez minutos, para que a gordura derreta. Coloque-as entre duas fatias de pão ou corte em pedaços pequenos e sirva com molho vinagrete carregado de coentros.

Costeletas e entrecosto: Devem ser previamente temperadas e grelhar lentamente em lume médio. A crosta estaladiça e corada é muito saborosa. Regularmente, vire e pincele com um molho ou com uma marinada. Geralmente demoram 25 a 30 minutos a grelhar.

Carne de borrego

A carne do borrego é uma carne muito tenra e tem a proporção de gordura ideal para ser grelhado.

Costeletas: Coloque as costeletas já temperadas com sal, azeite, alho e ervas aromáticas dois minutos na zona mais quente da grelha. Seguidamente passe as costeletas para a zona menos quente seis a oito minutos, até ficarem castanhas. Estão prontas a comer e deliciosas até ao osso.

Perna: Escolha o tempero que mais lhe agrada: se gosta de paladares mais exóticos e picantes, opte por barrar a perna com uma mistura de especiarias; se prefere sabores mais frescos, tempere com sal, alho, azeite, alecrim e sálvia.

Não se esqueça que deve deixar descansar a carne antes de efectuar o corte numa tábua.

Identifique as linhas que correm no sentido das fibras musculares principais e corte na perpendicular ao músculo, o que vai ajudar a aumentar a maciez da carne. O ponto da carne pode variar entre o médio e o bem passado.

grelhados perfeitos

Carne de vaca

Coloque a carne tapada à temperatura ambiente, durante 20 minutos, antes de a grelhar. Tenha em atenção que a grelha deve estar sempre limpa e pincelada com óleo, para que seja anti-aderente.

Os bifes de espessura média ou alta, como o acém redondo e a vazia, são perfeitos para grelhar. Aproveite o lume forte e uniforme para selar a carne. Formada uma crosta crocante, todos os sucos naturais vão ser preservados. Aguarde o momento certo e vire a carne uma única vez, (em média, quatro a cinco minutos de cada lado).

Não se esqueça de utilizar uma pinça em vez de um garfo. A carne, depois de grelhada, deve ser retirada e tapada com folha de alumínio.

Deixe-a descansar durante cinco minutos para que os sucos se voltem a redistribuir de forma homogénea.

O tempo de cozedura depende da altura do bife e de como gosta do ponto da carne: mal passado, médio ou bem passado.

Se gosta de molhos, utilize-os apenas para acompanhar a carne já grelhada e nunca para temperar.

DICAS:

  • Deite sobre as brasas um pouco de tomilho para que ao arder liberte aroma e fumo para a carne.
  • Tempero, sal e lume. Quase sempre, essa é a premissa que deve valer. Neste caso, deixe o sal refinado de lado e use o tipo grosso.
Sabe como obter grelhados perfeitos?
4.5 (90%) 22 votos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *